Os CyberBirds são uma das poucas espécies de pássaros que não estão ameaçadas de extinção. São imaginários, criados pelo Homem com auxílio de tecnologia. Os CyberBirds pretendem ajudar os humanos a escutar e espera-se que possam contribuir para que sejam mais sensíveis e capazes de conviver com os pássaros reais. No IX Encontro Internacional Arte Para a Infância  e Desenvolvimento Social e Humano  (EIAIDSH) foi apresentado uma primeira espécie. Tinha nascido no Jardim Interior de Loulé e voou até Lisboa para dialogar com um soprano lírico (ver aqui). No EIAIDSH temos o prazer libertar mais uma espécie, o CyberBird 3.0.

O CyberBird 3.0 pode cantar no telemóvel (Android) de qualquer pessoa. Para isso deve:

1) Fazer download da aplicação CyberBird 3.0

2) Instalar o ficheiro a partir da pasta para onde o descarregou

3) Carregue Play, escolha um dos pássaros, movimente o telemóvel (o CyberBird 3.0 reage ao seu movimento, como qualquer pássaro, aliás)

4) Siga as sugestões/regras que a aplicação lhe for enviando

5) Quando terminar procure um pássaro real